5 motivos para você entender a importância do sono na sua vida
5 motivos para você entender a importância do sono na sua vida
25 de fevereiro de 2019
A procrastinação está acabando com você? Saiba como se livrar dela!
11 de março de 2019

Fique tranquilo! Aprenda agora mesmo como controlar a raiva

Muitas pessoas se perguntam como controlar a raiva e evitar conflitos na vida profissional e pessoal. Afinal, mesmo em momentos de estresse extremo, é fundamental acalmar as emoções para evitar situações desagradáveis e, em alguns casos, consequências irreversíveis.

Para ajudar você a compreender melhor como controlar a raiva e aprimorar a inteligência emocional, separamos algumas dicas infalíveis. Pronto para mudar de vida de uma vez por todas? Então, acompanhe o post!

Analise suas emoções corretamente

É preciso entender que toda a emoção tem uma mensagem. A raiva também quer dizer algo e, para compreender melhor a situação, é preciso estar atento para o que essa emoção quer passar.

Por exemplo: se você está indignado com determinada atitude, a raiva pode potencializar o sentimento de indignação e, com isso, ocasionar brigas e desentendimentos. Em momentos assim, retire-se do ambiente e pare um pouco para refletir sobre o que realmente acontece.

Ser autocrítico é fundamental em situações onde somos tomados pela raiva.


Reestruture seus pensamentos

Durante confrontos, as pessoas são tomadas pela raiva e deixam passar palavras carregadas de sentimentos que, muitas vezes, não correspondem à realidade. Por isso, antes de sair por aí destilando ódio, reestruture os pensamentos que passam pela sua cabeça.

Pergunte a si mesmo: “Será que não exagerei?”, “Sou realmente imparcial no meu julgamento?” ou “Conseguirei passar a mensagem que gostaria se eu continuar a falar dessa forma?”.

Procure agir de maneira sensata e coloque-se no lugar das outras pessoas antes de proferir as palavras que vêm imediatamente à mente.

Evite a negação

É senso comum que a maioria das pessoas que têm problemas com raiva e estresse não consegue admitir que precisa modificar este tipo de comportamento.

É preciso deixar claro que o primeiro passo para transformar a maneira como você lida com a raiva é admitir para si mesmo que precisa mudar. A mensagem é: uma norma ou um padrão importante que você sustentou por toda a vida foi violado.

Por isso, é preciso:

  • considerar que pode ter interpretado a situação de forma equivocada e compreender que a pessoa não sabia que é importante para você;
  • perguntar a si mesmo: “O que é possível aprender com essa experiência?”;
  • entender que, mesmo que uma pessoa viole um de seus padrões, eles não são os únicos corretos e existentes no mundo. 

Encontre maneiras de dissipar emoções ruins

Há infinitas maneiras de “exorcizar” sentimentos negativos como a raiva: praticar esportes, participar de grupos de leitura e realizar atividades lúdicas, como dança e teatro, entre outras opções. Tudo o que você precisa para escolher a melhor alternativa é considerar sua personalidade, suas preferências pessoais e seu tempo disponível para isso.


ebook o poder das afirmações

Se você gosta de atividades ao livre, que tal dedicar alguns minutos do seu dia para correr no parque? No entanto, se prefere exercícios em grupo, uma aula de dança de salão é uma ótima opção! Não há desculpas para não relaxar com tantas opções divertidas e estimulantes.

Viu como controlar a raiva não é uma tarefa difícil? Basta reconhecer que você, assim como qualquer outra pessoa, tem emoções que precisam ser compreendidas e trabalhadas. Tenha força de vontade e, o mais importante, nunca desista de você! Não pense apenas no resultado e aprenda a aproveitar a jornada.

E aí? Gostou do nosso post sobre como controlar a raiva? Então, não deixe de conferir o conteúdo “Por que devemos ser otimistas e pensar positivo sobre tudo” e se informar mais sobre os benefícios do controle emocional na vida das pessoas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1
Olá, como podemos te ajudar?
Powered by