Como melhorar a autoestima através de 6 ações básicas
11 de dezembro de 2017
Quais são os prejuízos da reclamação e como evitá-los?
9 de Janeiro de 2018

5 dicas para acabar com o mal da desorganização

Há pessoas que, apesar dos comentários de que as suas coisas estão uma bagunça, juram saber onde está cada objeto, cada documento de que precisa todos os dias. Ou seja: ela não admite a desorganização, mas também não tem muita disposição para pôr ordem na casa.

Para acabar com essa ideia de que é muito chato e trabalhoso dar uma organizada no ambiente pessoal e no local de trabalho, preparamos este post com boas dicas para resolver o problema.

Aliás, por falar em problema, você sabia que pessoas desorganizadas são mais propensas ao estresse e outras doenças? Continue a leitura para saber ainda mais:

Entenda por que a desorganização faz mal à saúde

Uma vez que ela faz esquecer compromissos, horários, prazos e até o lugar em que está a escova de dentes, a desorganização pode ser considerada um defeito e tanto.

Pessoas desorganizadas na rotina pessoal costumam levar a situação para o ambiente de trabalho. Acumulam papéis desnecessários, não conseguem encontrar documentos importantes e, geralmente, são impontuais.

A desorganização toma momentos preciosos da vida, contribuindo para que surjam o estresse, a ansiedade, a irritação, a insônia, as frustrações e a baixa autoestima. As cobranças, as críticas, os comentários irônicos contribuem para o desenvolvimento de doenças como a hipertensão e a depressão, além de problemas respiratórios, doenças cardiovasculares e obesidade.

Conheça 5 dicas para acabar com a desorganização

A mente de quem é organizado funciona melhor. O cérebro, ao ter menos trabalho para decidir o que precisa, acaba por se desgastar menos no esforço de encontrar as coisas e evita que você se canse, comprometendo seu rendimento e as suas decisões.

Portanto, confira nossas 5 dicas de práticas eficazes de organização, sejam elas para você ou alguém que conhece:

1. Aprenda a priorizar

Estabelecer prioridades é um dos passos importantes em busca da tão sonhada organização. Faça uma relação de suas tarefas e de seus compromissos diários, partindo do mais importante para o que pode se adiado ou transferido.

Lembre-se, também, de resolver suas pendências e aqueles compromissos não atendidos. Inclua um tempinho para relaxar, tomar um ar, um suco, um café…

2. Faça listas de compromissos e tarefas

Depois de priorizar, agende tudo. Coloque em local bem visível as anotações sobre os seus compromissos, com local, data e hora. Mas nada de sair no último instante, pois o risco de um atraso é iminente nesse caso.

3. Defina uma rotina

A desorganização é capaz de não incomodar os mais desavisados. Portanto, pratique a mudança de hábitos para entender o que precisa ser mudado.

Você pode começar bem devagar, arrumando a sua cama, em casa, e a sua gaveta no local de trabalho. Faça disso uma rotina e incorpore outros exercícios. Aqui, a palavra de ordem é disciplina.


4. Evite acumular

Quem é desorganizado tem por característica os adiamentos e a acumulação de objetos. Nem sempre é por gosto, mas deixa tudo para depois, guarda itens sem importância e protela decisões que deveriam ser tomadas imediatamente.

Sendo assim, o certo a se fazer é enxugar todas essas responsabilidades e pertences. Após algum tempo, você perceberá que é possível e muito mais confortável viver com pouco e resolvendo tudo no tempo certo.

5. Fuja da distração

A pessoa distraída tem dificuldades em manter o foco no que está fazendo ou se lembrar de compromissos. Assim, demora a executar suas tarefas (e geralmente executa com imperfeição) ou faz mais de uma coisa ao mesmo tempo e acaba não terminando nem uma, nem outra.

Fuja de tudo que pode tirar sua concentração, seja ao realizar um trabalho ou ao simplesmente anotar coisas na agenda. Assim, seu rendimento diário será ainda melhor.

A desorganização é um problema que você releva até que ele cause transtornos e contratempos. Para ajudar no alcance dos seus objetivos, uma sugestão são os programas de coaching e treinamentos oferecidos por um profissional experiente. Eles contribuem para o autoconhecimento, a gestão das emoções e a mudança de paradigmas.

Gostou de entender um pouco mais sobre como evitar a desorganização? Tem dúvidas ou quer compartilhar sua experiência? Faça seu comentário logo abaixo!

ebook o poder das afirmações

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *